quarta-feira, janeiro 04, 2006

Doente


Estou doente, bastante doente, acho eu.
Não sei de quê, mas sei porquê, talvez sim.
Doente de saudades, daquele mar, reflexo azul do céu.
E as veredas sobre as pedras da falésia têm saudades de mim.

(por: um Fotociclist@2005)
... de 2005 porque que ainda não acabou a travessia da ponte para 2006

2 comentários:

Anónimo disse...

Fantastico foto...esto tambèm doente de saudades deste aldeia..!

Anónimo disse...

Uns são doentes pela praia outros pelo campo,adoro admirar a paisagem e respirar o ar puro das serras,estou igualmente doente por ainda não ter autorização para completar o meu jardim do qual se admira uma paisagem lindissima.Só vou lá de fugida e fico triste por ver tudo coberto de malvas gigantescas e outras ervas daninhas que quase engolem as lindas flores que muito trabalho me deram para florir:Igualmente tudo coberto de pedras para distribuir por vários canteiros,espero um dia destes ter ordem para fazer estas tarefas de força. e deixar de estar doente com falta do meu jardim MARIA
Podem todos vir ajudar.Chau

Outros Tempos

Miradouro do Mindelo, Praia das Maçãs “Diante da vastidão do tempo e da imensidão do espaço  é uma alegria para mim partilhar uma época e u...