quarta-feira, outubro 22, 2008

Voltas do Vento



Hoje faço trovas ao vento,
Que levanta o pó do caminho.
É o mesmo ar em movimento,
Que faz girar o moinho.

O que produz electricidade,
E o que tira água ao poço.
Uma para iluminar a cidade;
Outra para regar o tremoço.

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...