sábado, outubro 25, 2008

Amanhecer CXLI


Claro dia
Sol aberto
Céu limpo
sem núvem
nem neblina
da madrugada
Ar fresco
Cheiro da terra
humidade
Aroma de erva
molhada
Água fresca
Reflexos
Silêncio

Composição de Ensaio - I

Nasceu o claro dia. O Sol aberto no Céu limpo, sem sombra de núvem, nem uma réstia da neblina da madrugada no ar ainda fresco. O cheiro da terra húmida à mistura com o aroma da erva molhada pelos salpicos da água que escorre nas bicas da fonte para o tanque de rega... os reflexos cristalinos na agitação da superfície da água; o silêncio perturbado pelo ininterrupto som irregular (cuja onomatopeia não me lembro) da água a cair de alto sobre a superfície da água e o fundo sonoro do rumorejar da água que desliza nos córregos do jardim... só ouvindo, só vendo, só cheirando, imaginando não chega.

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...