segunda-feira, outubro 27, 2008

a Fonte 290

VER MAIOR
Em Almargem do Bispo,
uma relíquia da arquitectura civil, obra de "arte moderna e contemporânea", digna da Colecção "Berardo".

Não sei bem porquê, mas há qualquer coisa, que me me leva a pensar que o fontanário não teria este aspecto aquando da sua inauguração, em 1957. Acho que ainda não era habitual, naquele tempo, forrar as obras públicas com "azulejos de casa-de-banho".

Estou em crer, é apenas uma suposição, que a fonte terá sido alvo de uma recuperação, algures nos anos 70 , talvez com o patrocínio de um benemérito vizinho, empresário da construção civil.

3 comentários:

Anónimo disse...

Bicho:
Andas a poluir o teu "Fotociclista", com fontes, poluidas por fora e por dentro. É verdade que, são dignas do Berardo, mas não do teu bom gosto e sensibilidade.
Ele há fontes e fontes. E estas, não inspiram ninguém.
Antes uma singela campaínha, uma violeta, "uma rosa a florir na tapada".
Isto, fere a vista e os sentimentos.
Beijo.
Maria

Carla D'elvas disse...

Tenho saudades das outras fontes...

Beijinho e posta lá um chafariz digno de ser visto ;)

Anónimo disse...

Uma fonte feita em homenagem às casas tipo maison com janelas tipo fenetre! Uma homenagem ao Emigrante concerteza!
João

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...