sexta-feira, abril 24, 2009

Liberdade (uma)

AMPLIAR
LIBERDADE, ANTES CONFUSA QUE NENHUMA!

Ao avistar a cidade (Setúbal) lá em baixo, através desta porta de grades do Castelo de Palmela, volto a lembrar (coincidência) Machado de Assis, com esta sua frase, que se ajusta perfeitamente a este tempo que vivemos. Que, aliás, se ajusta completamente a todo e qualquer tempo que quisermos imaginar. Liberdade, é ou não é, tem ou não tem.

1 comentário:

Maria disse...

Bicho:
Já que falamos em "Braz Cubas", junto mais duas máximas dele:
1ª "Matamos o tempo; o tempo nos enterra"
2ª"Não te irrites se te pagarem mal um benefício: antes cair das nuvens, que de um terceiro andar."

Grande filósofo, "Braz Cubas". Ou seria o Machado de Assis?
Ou somos nós, que não batemos bem?
Beijo

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...