quinta-feira, abril 16, 2009

a fonte 371


"En viaje por las rutas de Extremadura"
Ao passar a fronteira que já não existe fisicamente, percebemos que há agora uma fronteira bem mais visível, bem mais demarcada do que quando existia uma cancela e uma vedação a dividir a Península.
Hoje, a dividir Portugal e Espanha, temos uma pequena distância no espaço e um tão grande passo que nos distingue, nos afasta.
Basta olhar em volta:
como são diferentes as coisas por aqui... autopistas, autovias, estradas, ruas, praças, casas, costumes, nada, nada mesmo que se pareça com o que temos do lado de lá no nosso "bem-amado cantinho mal-amanhado" de portugueses.

Porém... quando no Monesterio (de Tentudía) para abastecer de gasóleo (82 cêntimos por litro) AHAHAH!!! DESCOBRI UMA COISA IGUAL - o letreirinho pregado na fonte, tem escrito "NO POTABLE"...

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...