sexta-feira, janeiro 09, 2009

a ver navios 64



barcos, veem e vão
alguns voltam
e outros não;
partem na insegurança

na dúvida do regresso

quando chegam
descarregam esperança

com que se faz o progresso

e serve para quê?
ora, não sei.
e escrevo porquê?
dito isto, acabei.

1 comentário:

Anónimo disse...

Falaste e falaste bem.
Que mais pr'a dizer havia?
Que o almoço corra bem
É o desejo da Maria

Outros Tempos

Miradouro do Mindelo, Praia das Maçãs “Diante da vastidão do tempo e da imensidão do espaço  é uma alegria para mim partilhar uma época e u...