sexta-feira, abril 06, 2018

Vinho Fino

Rio Douro - Pinhão

Sentado numa esplanada do cais, à beira Douro, acompanhando com a vista o movimento silencioso dos grandes navios-hotel que deslizam rio abaixo, em direcção ao pôr-do-sol.
Ora aqui está uma coisa, que já não é novidade para mim. Ao longo dos anos, durante as minhas viagens pela região do Alto Douro Vinhateiro, tenho tido felizmente, oportunidade, o (bom) gosto e o prazer de o fazer algumas vezes.
Num fim de uma tarde quente de Verão, ou morna de Primavera como a de hoje, deixar-me ficar quieto, sem pensamentos, simplesmente contemplando os reflexos dos raios de sol que no ocaso conferem cor especial ao espelho de água do rio e ao cálice de Vinho Fino que vou saboreando.

«Vinho Fino?» pergunta a menina que atende na esplanada do bar.
«Sim, um cálice de branco e "bem aviado", se faz favor!» disse eu.
«Ora bem, é a primeira vez que um cliente - de Lisboa, não é? - me faz um pedido como deve ser... sim senhor; toda a gente de fora, costuma pedir Vinho do Porto.» retrucou a menina.
«Pois, mas eu sei que o vinho é criado e produzido aqui nas vinhas do Alto Douro, não é no Porto. E sei que a gente daqui o considera um Vinho Fino, porque ele é mesmo isso, fino.» e com esta conversa, eu ganhei um cálice de vinho branco pouco doce, mas muito "bem aviado" e, mais importante ainda, acompanhado de um bonito sorriso.

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...