segunda-feira, março 02, 2009

Comprar Tempo


(O meu Calendário Maia - comprei na Península do Yucatan)
Para além deste, ainda tenho mais Tempo. Tenho uma reserva dele, guardada na dispensa, ao lado da garrafeira.

Comprei na semana passada, um pacote de Tempo, na "Feira do Relógio", claro está, onde se arranja tudo mais barato e em boas condições. Não é daquele Tempo "de marca", original, bem sei, é uma cópia pirata, falsificado, mas nos tempos que correm e para quem é, serve muito bem - o utilizador já não está em idade nem tem tempo nem condições para esquisitices - qualquer prolongamento, acréscimo de Tempo, é bem vindo, é uma benção.
Ah! Muito importante - convém não esquecer que o tempo que se vende na feira tem garantia de seis meses. Diz ele, o cigano, que está lá todas as semanas no seu estaminé, pronto para atender quem tiver reclamações, pois é um cigano honesto.
Pronto. Agora a gente só tem que pensar quando é que vai começar a gastar o tempo de reserva - antes dos seis meses passados, senão... tem que comprar mais uma recarga de nove meses, que é o pacote clássico, o mais vendido.

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...