sexta-feira, junho 29, 2007

a Fonte 125


(Fonte dos Ladrões, Sintra)

Mariana ao chegar à fonte,
Descalçou os tamanquinhos.
Estafada de subir o monte,
Vem refrescar os pèzinhos.

Estava na conversa, distraída
Quando um marau ali passou
E de rompante, numa corrida
Os tamanquinhos lhe roubou.

Que azar lhe havia de suceder
Pobrezinha, desditosa pequena
Agora vai ter muito que sofrer
A caminhar descalça. Que pena!

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...