sábado, julho 12, 2008

Amanhecer CXXV


De volta à "Casa da Praia" - as Dálias(*) brancas do nosso terraço estão bem viçosas.

(*) Dálias, digo eu, sem saber; não tenho a certeza mas acho que são uma espécie; seja o que for, eu gosto delas; gosto porque gosto de Dálias; conheci uma Dália há muitos, muitos anos, que me marcou, mas pela positiva; deixou uma muito boa impressão; tal que ainda hoje me sabe bem recordar...
se bem me lembro, naquele tempo, era eu o operador de câmara dos monólogos do Prof. Vitorino Nemésio e a minha alcunha (ou aliás, como agora se diz) era "O Porão"; e foi numa das agitadas noites do "Porão da Nau" que eu a conheci...

3 comentários:

Cristina disse...

Bom fim de semana à Praia!

Anónimo disse...

Pois, pois...
Recordar é viver...
A noite é um jardim...
jinho
bela

Anónimo disse...

"São Dálias, Senhor", diria a Rainha Santa, se não se tivesse lembrado primeiro das rosas.
São dálias dobradas, diria a minha mãe que, as adorava.
Maria

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...