quarta-feira, maio 21, 2008

a ver navios 10


[A Mensagem II]

4
Nessa praia perto de Lisboa
Um homem passeia o filho.
De olho numa banhista,”boa,
Que gaja boa com’ó milho!”
5
Pimba, tropeçou na garrafa;
E'statelou-se no meio do chão.
"Estou lixado", disse, “safa,
Olha a garrafa dum cabrão!”
6
Que trambolhão fantástico!
Espalhaste-te ao comprido.
"Pai, esta não é de prástico",
Disse o puto, "é de vrido."
..
continua

1 comentário:

Anónimo disse...

Moral da estória:
Quem é guloso, morre cedo....
Quero o resto...... ahahahahah
bj
bela

Outros Tempos

Miradouro do Mindelo, Praia das Maçãs “Diante da vastidão do tempo e da imensidão do espaço  é uma alegria para mim partilhar uma época e u...