domingo, maio 26, 2019

Os Avieiros


Aldeia da Palhota (Valada, Cartaxo)
Maré vazia no cais palafítico de uma típica aldeia de pescadores, construída com casas de madeira sobre estacas, nas margens alagadiças do Tejo.
Nesta aldeia cuja origem se perde no tempo, chegou a viver Alves Redol, o escritor Vila Franca de Xira, que muito bem descreveu a vida difícil das gentes do baixo Tejo, nos meados do século passado.
Neste perfeito dia quente de domingo, depois visitar um velho amigo de Vale do Paraíso (Azambuja) aproveitei o andamento para revisitar lugares de uma inesquecível e louca aventura que nos anos 70 me levou a subir o rio num pequeno barco, de Vila Franca a Santarém e volta.



Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...