sexta-feira, julho 24, 2009

a ver navios 79


À janela olhando o Mar, tristemente,
Debaixo do céu pesado, nevoeirento,
A meditar na vida. Não lamento...
Aquilo que vivi, vivi intensamente.

(acho que alguém, antes de mim, já tinho escrito isto... que desculpe, se for assim.)

2 comentários:

Maria disse...

Bicho:

Se tivesses ficado quietinho
Ouvindo a miúda no DVD
Não estavas agora de certeza
Vendo o mar assim com ar tristinho
Ou olhando sem ver para a TV
Nessa apagada, triste e vil tristeza.

Trata de ti, Bicho. As melhoras e beijinhos da
Maria

Rápidas melhoras e um abraço do
Costa

O Bicho disse...

Obrigado Maria pela poesia e pela preocupação também do Costa.
Vai tudo bem. Estou em tratamento.

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...