terça-feira, fevereiro 17, 2009

a fonte 337

CLICK PARAMPLIAR
Estou de volta a Lisboa, numa tentativa de regressar ao trabalho sistemático, em vez de andar por aí a passear (como eu gosto), à toa.
Convenceram-me a fazer uma experiência de alguns meses, a ver se pega, a ver se (re)adquiro a vontade - nunca tive - o entusiasmo de trabalhar a soldo. Bem pago, claro!
E foi assim que, me encontrei junto a uma fonte que nunca tinha visto, ou nunca tinha reparado que ela exitia (desde 1851) no Largo da Princesa, na encosta do Restelo.

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...