sexta-feira, outubro 26, 2007

a Escrita


Oh, mas há quanto tempo não escrevo aqui nada de jeito?
O Fotociclista bastante desinspirado?
É somente falta de tempo.
Falta não! Toda a gente tem tempo. O que não falta aí é tempo. Ele há tempo para tudo e mais alguma coisa... e ainda sobra!

Explico:

o tempo está sempre aí, em todo o lado, em todos os momentos, à disposição de quem o quiser utilisar. Ou gastar.
Quando gastamos tempo, estamos a perder tempo?
Para perder tempo, é preciso ter tempo. E para ter tempo é forçoso encontrá-lo algures no tempo, ou seja há que perder tempo à procura de tempo para... usar e deitar fora, só para passar tempo.
Pois, afinal acontece o mesmo com as coisas materiais. Para as perder, precisamos de ter. E parar as ter há que as procurar e encontrar.

Esta conversa fiada toda, só para dizer que:

- não me sobra nada do tempo gasto, melhor dizendo, consumido na passagem à escrita (mais ou menos legível e coerente) das notas de viagem que compõem as "Cartas de Passeante".

Mas que gaita de passatempo!!!

Sem comentários:

Despertar DCCII

Praia das Maçãs, Sintra Acontece por vezes, após uma noite de mar agitado, com ondas alterosas fustigadas por ventos fortes e sabe-se lá qu...