quarta-feira, março 15, 2006

portas do tempo III


Há portas só para entrar;
e outras só para sair;
também as há para entrar e sair;
e ainda umas que nem para sair nem entrar;
e mais aquelas onde a gente entra sem saber se vai poder sair, ou sem saber o que vai lá dentro;
é verdade, há portas que a gente abre... e depois não consegue fechar, por não poder, ou quiça, até por não querer;
quando saímos a porta de casa, dizemos - até logo! Até amanhã, quem sabe, até mais ver ou até nunca mais; vou voltar, até sempre, é igual a até nunca!
O que será pior:
as portas que se fecham atrás de nós ou as que se fecham à nossa frente!??

1 comentário:

Anónimo disse...

E porque não uma porta para entrar,fechar e continuar fechada porque o que encontramos lá dentro é maravilhoso e não queremos repartir com ninguém com medo que nos roubem.Sê positivo e feliz.Aqui está um dia muito feio. Maria

Amanhecer DLXIII

Praia das Maçãs, Sintra C'est en septembre Quand les voiliers sont dévoilés Et que la plage, tremblent sous l'ombre D'un...