quarta-feira, março 08, 2006

Poema Elfo


-
Nelde Cormar Eldatárin nu Tarmenel,
Otso Herunaucoin hrótassen ondova,
Nerte Fírimoin marte nurunen,
Er i More Herun mormahalmas hárala
Morinóreva mí arda, már i fuinion.
Er Corma ilyar turien ar tuvien te,
Er Corma tucien ar móresse nutien te
Morinóreva mí arda, már i fuinion.

(J.R. Tolkien)

Sem comentários:

Amanhecer DCVIII

Foz do Égua (Piodão, Arganil) Vista para uma espécie de santuário, propriedade privada, construído numa elevação sobranceira ao lugar d...