sexta-feira, fevereiro 24, 2006

o Jardim



Cai chuvinha de mansinho
Não caias em cima de mim
Eu estou velha e cansada
E não sou nenhum jardim

Se eu tivesse um jardim
Ia para o meu das flores
E aí esperava pela chuva
Para regar meus amores

(Avó Tina)

1 comentário:

Anónimo disse...

Este é dedicado a mim a Maria.Gosto de jardins e de amores perfeitos salpicados com gotas finas de chuva,são mesmo lindos.Nunca tive sorte com estas flores.morrem sempre.OBRIGADA GI

Amanhecer DLXIII

Praia das Maçãs, Sintra C'est en septembre Quand les voiliers sont dévoilés Et que la plage, tremblent sous l'ombre D'un...