quinta-feira, fevereiro 09, 2006

Janela do Tempo


O tempo que falta
o tempo que não tenho
cada dia fica mais tarde
hoje já passou a hora
amanhã será ainda pior
mais cedo, mais tarde,
não importa o que passa

Pelo tempo que não existe.
é invenção, é manigância
o truque para nos fazer sentir
que precisamos viver hoje, agora
e depois uma e outra vez para... nada.

Devia haver segunda vez para tudo
uma vez nesta vida... e uma vez
numa outra vida qualquer
ou talvez não, sabe-se lá?

Claro, isto está complicado
de decidir, dormir ou não
são três e meia da manhã
e vê-se logo que já não dá
não digo nada de jeito
tenho fome, tenho sede
deve ser esse o problema
falta de açúcar no cérebro
a glicémia está em baixo
ah! finalmente o sono!

3 comentários:

Anónimo disse...

Não podes ir ver o benfica, ficas excitado,vai tomar um banho.mas de agua fria,ficas fresquinho, edepois deita.,Beijinhos da Maria

Quim disse...

Oh Maria. isto são lá horas de estares acordada?
Estás a ver? O Gigi foi ao estádio da Luz e o Benfica ganhou.

Anónimo disse...

Gosto muito da noite em casa, e não na cama.Ando a pensar na minha operação que vai ser na próxima terça pela fresquinha,espero ser logo a primeira para não esperar, a última grande que fiz estive uma hora de castigo, pois o outro nunca mais saía, tiveram complicações, o pior vai ficar lá de véspera fora da minha cama.Beijinhos da Maria

Amanhecer DLXIII

Praia das Maçãs, Sintra C'est en septembre Quand les voiliers sont dévoilés Et que la plage, tremblent sous l'ombre D'un...