sábado, fevereiro 04, 2006

e parou


(pôr-do-gato ao sol-no-Tejo)
aperfeiçoar, afeiçoar, o que falta, o resto, o tempo que não tem paragens, não ficamos à espera de nada mais que tão somente uma lenta agonia que suporta a criatividade na estação das palavras que me saiem pela sensação do que entra pelos sentidos semi despertos de todo o resto que rodeia esta incdescritível actividade extra-sensorial que liga os sons às palavras que se formam no labitinto da imaginação e vão fluindo, saltando para as mãos que traduzem e... parou, parou, não dá mais, fiquei trespassado, chiça, oiço a Bábá Guimarães, não, não suporto, não aguento, é demais a intelectualite aguda dessa mulher!!!
(esta era para amanhã, mas acabou assim, mesmo antes de nascer)

8 comentários:

Quim disse...

Gigi: A tua roda do tempo é dentada. Não deixes que ela te triture. Tens muito para dar e só percebes isso, quando o sol te aquece a alma e adormece.
O fluir das palavras que te saltam dos dedos, revela que precisas muito, de escrever.
Escreve, para dentro, e um pensamento de cada vez.
Tenho saudades de ti

O Bicho disse...

mas tenho direito a embirrar com a Bábà e dizê-lo

Anónimo disse...

Quim este blog sem ti fica muito triste,é que o GIGI está cada vez mais virado para o seu interior,onde ele guarda grandes recordações do tempo passado, até se esquece que hà futuro,e que ele pode fazer dele tudo o que ele desejar.Onde é que andas? foste novamente para Paris? Beijinhos.Maria

Quim disse...

Fui de propósito à Praia das Maçãs para vêlo e ouvi-lo. E gostei!

Gigi disse...

Sim, "estou cada vez mais virado para o meu interior, onde guardo, (cada vez mais bem guardadas, escondidas do resto do mundo), memórias do passado.

Anónimo disse...

Ainda bem que se encontraram,as boas amizades,são um conforto para a alma, beijinhos para os dois e muita saúde para se encontarem muitas vezes. Maria

Anónimo disse...

Só o futuro é tempo.

Anónimo disse...

A primeira regra da arte de vencer é saber aguentar o ódio alheio,é que o homem pode ser destruído,mas,não pode ser derrotado.Chau

Amanhecer DLXIII

Praia das Maçãs, Sintra C'est en septembre Quand les voiliers sont dévoilés Et que la plage, tremblent sous l'ombre D'un...