sexta-feira, maio 28, 2010

a ver navios 104


Eu não sei, que tenho em Évora
Que de Évora, me estou lembrando.
E ao passar o rio Tejo, agora
As ondas me vão levando.
(poesia popular)

Sem comentários:

A Fonte 672

Figueira de Castelo Rodrigo Na beira do caminho, junto ao Convento de Aguiar, base da encosta onde se encontra o que resta das muralhas ...