terça-feira, novembro 16, 2010

Inventar o Amor


Ponte D. Luis
(Porto - Gaia)

[..]
Um homem uma mulher um cartaz de denúncia
colado em todas as esquinas da cidade
A rádio já falou A TV anuncia iminente a captura
A polícia de costumes avisada
procura os dois amantes nos becos e avenidas
Onde houver uma flor rubra e essencial
é possível que se escondam tremendo a cada batida na porta
fechada para o mundo
É preciso encontrá-los antes que seja tarde
Antes que o exemplo frutifique
Antes que a invenção do amor se processe em cadeia

Há pesadas sanções para os que auxiliarem os fugitivos
[..]

(Um bocadinho do extenso poema de Daniel Filipe, de 1961, "A Invenção do Amor".)

1 comentário:

M.Júlia disse...

...inventar o amor com carácter de
urgência ...
Bem recordado, Daniel Filipe!

Amanhecer DLXIII

Praia das Maçãs, Sintra C'est en septembre Quand les voiliers sont dévoilés Et que la plage, tremblent sous l'ombre D'un...