domingo, outubro 31, 2010

indiferentes

Quando eu pensava que não valia a pena continuar... ela levou-me à janela e disse:


«Olha aqui, se julgas que és o único a fazer coisas interessantes em que ninguém repara, não te preocupes, o mundo é assim mesmo, também o pôr-do-sol é um dos mais belos espectáculos do mundo e no entanto os espectadores não aplaudem.»

1 comentário:

Anónimo disse...

TUDO BELO..
BELO POEMA
BELO DIZERES
BELO POR DO SOL
BELO...
TUDO BELO ..´

SPUK

Amanhecer DLVII

ALMEIDA A luminosidade do sol rasante invadindo o corredor de uma das portas indefesas da Fortaleza. Daqui nada, reúne a comitiva no &qu...