sábado, junho 10, 2017

Amanhecer DLI


Casa da Praia

A azáfama de um bichinho preto, pintalgado de branco, fez despertar a minha atenção, para a pequena flor, que alegra os canteiros do meu terraço durante os últimos meses da Primavera.
Não sei como se chama, nem tão pouco me recordo da designação do tipo de inflorescência - tão distantes estão as lições de Botânica do meu tempo de estudante do liceu - mas ainda me lembro que as pétalas abrigam os estames e o carpelo.
Neste caso, a macro-fotografia permite-nos observar a morfologia da corola:
tem 6 estames, com antenas bem carregadas de pólen, em redor do carpelo, cujo estigma baba uma bela quantidade de néctar.

Sem comentários:

Amanhecer DLVII

ALMEIDA A luminosidade do sol rasante invadindo o corredor de uma das portas indefesas da Fortaleza. Daqui nada, reúne a comitiva no &qu...