quinta-feira, outubro 18, 2007

o que dizer


(Azulejos numa parede no Portrinho da Arrábida)

José Saramago, disse um dia, mais ou menos, isto:

QUEM NÃO TEM NADA PARA DIZER, NÃO DEVIA ESCREVER.

Sem comentários:

Amanhecer DLVIII

COVILHÃ Correndo pelo vale do alto Zêzere Já chegámos? O quê! Ainda não? Então vou dormir mais um bocadinho...